Pólipos são lesões, quase sempre benignas, com pouca chance de se tornar maligno. Os pólipos podem ser endocervicais (vindos de dentro do colo do útero) ou endometriais (formados a partir da camada que reveste internamente o útero) - veja a ilustração. Os pólipos endocervicais são, frequentemente, causa de sangramento após relações sexuais, enquanto que os endometriais são causa de irregularidade menstrual ou sangramento menstrual excessivo. Na pós menopausa, normalmente não apresenta sintomas. O ginecologista Prof. Dr. Thomaz Gollop orienta que em ambas as situações, eles devem ser retirados. Os sintomas regridem e pacientes em período reprodutivo apresentam melhora na fertilidade.

Para ambos, a grande novidade é representada pela cirurgia histeroscópica — o cirurgião introduz o material endoscópico dentro do útero e, com pequenos instrumentos, retira o pólipo. A cirurgia é mínima e, depois de algumas horas, a paciente já tem alta.

Palavras em azul são links que te direcionam ao assunto em questão. Clique para ler. Veja também matéria relacionada:
O que é mioma? Mioma pode virar câncer?

Conteúdo do livro Medicina Mitos e Verdades (Carla Leonel). Capítulo de Ginecologia. Médico responsável Prof. Dr. Thomaz Gollop. Proibida reprodução sem citar a fonte.

Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial deste artigo sem citar a fonte com o link.

SUAS DÚVIDAS NO CONSULTÓRIO MÉDICO
Livro Medicina, Mitos e Verdades (Carla Leonel): capa dura, 800 páginas, perguntas e respostas em 22 especialidades médicas com os mais bem conceituados nomes da Medicina no Brasil. Best-Seller: mais de 300 mil cópias vendidas.
• PROMOÇÃO: Compre um e leve dois. Por apenas R$ 99,00 você recebe 2 livros iguais. Pagamento facilitado em até 10 X R$ 9,90 sem juros no cartão de crédito. O frete é por nossa conta. Válido apenas no Brasil e em um único endereço escolhido por você. Não perca esta oportunidade.
Clique neste link COMPRAR e saiba mais. A informação ajuda no diagnóstico precoce e pode salvar vidas.